Comportamento e consumo: por que o personagem da caixa de cereal olha sempre para baixo?

Matéria do site “MEGA CURIOSO” (todos os créditos são a este atribuídos) 

O importante é entender como o comportamento do consumidor direciona o comportamento do mercado e as suas estratégias, voltadas para trazer uma maior probabilidade de resultados positivos que são convertidos em consumo (e incentivo).

Especialistas desvendam o que existe por trás das ilustrações dos cereais e como elas influenciam o comportamento dos consumidores. 

Um estudo realizado pelos pesquisadores da Universidade de Cornell, nos Estados Unidos, analisou 65 marcas de cereais para descobrir se as pessoas e personagens que aparecem nas embalagens influenciam no comportamento dos consumidores.

Os resultados do levantamento foram publicados na semana passada no periódicoEnvironment & Behavior e mostram que os cereais para crianças são dispostos nas duas prateleiras inferiores que ficam a cerca de 60 centímetros do chão, enquanto os produtos feitos para adultos ficam nas duas prateleiras superiores a uma média de 1,20 metro de altura.

Outro padrão que eles encontraram nas embalagens de cereais para crianças foi o uso de personagens cujos olhos estão em um ângulo médio de 9,6 graus para baixo – que é suficiente para fazer com que o personagem e a criança tenham contato visual. Por outro lado, as figuras que aparecem nas embalagens para adultos olham praticamente reto, buscando também o contato visual.

A influência e o comportamento

Mais do que entender quais são os mecanismos das empresas ao criar e expor seus produtos, os pesquisadores tinham como principal objetivo determinar se esses recursos causavam algum tipo de influência no comportamento dos consumidores.

Então, após analisar as embalagens e identificar as estratégias das empresas, os pesquisadores realizaram um segundo estudo para determinar os sentimentos e a conexão que os consumidores demonstravam com relação a cada marca.

Nesta etapa, os participantes precisavam dar uma nota para a confiança e a conexão que sentiam com o produto. Para isso, os pesquisadores mostraram aleatoriamente duas versões de uma embalagem: em uma delas o personagem (que era um coelho) estava olhando para a frente e na outra ele olhava para baixo.

Os resultados mostraram que a confiança na marca era 15% maior e o sentimento de conexão era 28% mais alto quando o participante estabelecia contato visual com o personagem. Além disso, quando existia contato visual, os voluntários afirmavam gostar mais do cereal do coelho (que se chama Trix) do que de outros cereais.

Isso nos mostra que, independente da idade do consumidor, o contato visual com as pessoas ou personagens que aparecem nas embalagens aumenta os pensamentos positivos com relação ao produto e influencia diretamente na escolha do consumidor.

O estudo realizado chegou a uma conclusão, mas que notadamente existem exceções (já que uma parte das embalagens de cereal não segue esse padrão).

Por curiosidade, pesquisei e reuni aqui algumas embalagens que demonstram o que a pesquisa esclareceu:

Image

Muito interessante, não é?

Anúncios

Sobre Laiane Caetano

é advogada militante e pesquisadora independente, especialista em Direito Empresarial pela PUC Minas.
Esse post foi publicado em Consumir com liberdade e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s